Uma série de estudos científicos indicou que anos contínuos de exposição desprotegida ao sol, sem proteção para os olhos, pode causar danos aos olhos, contribuindo para o surgimento da catarata, da degeneração macular relacionada à idade e até mesmo de tumores que podem exigir a remoção cirúrgica. A medida mais simples, e ao mesmo tempo desafiadora, é conscientizar a população sobre a importância de comprar um bom par de óculos escuros, com proteção UV-A e UV-B. Há óculos baratos muito apropriados para fotoproteção e outros modelos bem caros que não oferecem proteção alguma. Independentemente do custo ou da cor das lentes de seus óculos de sol, só use óculos que ofereçam 100% de proteção UV, certifique-se que seus óculos bloqueiam os raios UV-A e UV-B e use-os a qualquer hora do dia, quando você estiver exposto à luz solar. Prefira os modelos grandes. Os óculos de sol devem envolver todo o rosto e suas têmporas, para que os raios de sol não possam entrar pelos lados. Cuidado com superfícies reflexivas. Na praia ou na água, lembre-se de que a luz UV refletida na areia, na água ou no pavimento também pode danificar os olhos. Certos medicamentos podem aumentar os riscos ao sol. Esteja ciente de que determinados medicamentos que você está tomando podem causar aumento da sensibilidade à luz solar (fotossensibilidade). Certifique-se de perguntar isto ao seu médico. Não confie apenas nas suas lentes de contato. Mesmo se você usar lentes de contato com proteção UV, lembre-se de usar também os óculos de sol e não se deixe enganar pelas nuvens. Os raios do sol podem passar através da neblina e das nuvens.

12.08.2015