Diminua o uso diário dos smartphones e tabletes

Smartphones e miopia

Lembra de quando você era pequeno e sua mãe mandava sentar mais longe da TV para não prejudicar sua visão? Pode ser que ela tivesse alguma razão nisso. Segundo um oftalmologista britânico, o uso constante de smartphones pode estar causando um aumento nos casos de miopia.

Segundo o médico David Allamby, o número de jovens com miopia no Reino Unido subiu 35% desde o lançamento do primeiro smartphone. Além disso, antes, essa deficiência se estabilizava em geral até os 21 anos; agora, pessoas com mais idade que isso estão começando a desenvolvê-la.

Ele aponta dois motivos: primeiro, seguramos os dispositivos muito mais próximos aos olhos do que, por exemplo, revistas ou livros – entre 18 e 30 centímetros contra 40 centímetros. Segundo, passamos muito tempo mexendo neles.

Um estudo anterior feito pela Universidade da Califórnia também relaciona o smartphone a problemas na visão e dores de cabeça: eles descobriram que esse aparelho exige que os olhos foquem a tela e se ajustem ao tamanho do conteúdo ao mesmo tempo, o que causa desconforto com o tempo.

O médico britânico prevê que, em 20 anos, entre 40% e 50% das pessoas de 30 anos terão miopia por causa do uso do smartphone. Ele considera uma situação epidêmica, batizada de screen sightedness – algo como “miopia de tela”.

Mas há uma esperança para pelo menos minimizar os efeitos da tela reduzida na sua visão: controlar o tempo de uso do smartphone. Óbvio, né? Allamby também recomenda aos pais que considerem o impacto dos aparelhos sobre a visão antes de dar um para seus filhos de pouca idade.

Fonte: Tecnoblog

06.04.2016